Máquinas de lavar loiça

A máquina de lavar louça é um dos electrodomésticos mais utilizados nas casas portuguesas, sendo por isso importante fazer uma escolha sensata na altura de compra deste aparelho e utilizá-lo da forma mais correcta.

Compra e instalação

  • No momento da compra, opte por equipamentos energeticamente mais eficientes (classe A+++), pois mesmo que o seu custo inicial seja mais elevado, o investimento é recuperado durante a sua utilização.
  • É conveniente antes de adquirir o aparelho considerar o número de pessoas do seu agregado familiar, a frequência das lavagens (diária ou semanal), o local onde a vai colocar e consequente a tipologia de instalação que mais lhe convém (livre instalação, encastre parcial ou total), entre outros.
  • Normalmente as máquinas de 60cm de largura têm uma capacidade para 12 ou mais talheres enquanto os modelos de 45cm de largura têm uma capacidade para 8-10 talheres.

    Nº de pessoas Capacidade de talheres
    1 < 13
    2 a 3 13
    4 ou mais > 13


  • As maiores capacidades de carga de algumas máquinas implicam, por vezes, gastos mais elevados de água e de energia, aumentando também a probabilidade de ter que proceder a ciclos de lavagem com a máquina ainda longe de estar completa, o que constitui um desperdício de água e electricidade.
  • Os aparelhos mais eficientes apresentam, geralmente, características técnicas mais avançadas ou programas específicos que garantem um bom funcionamento ao mesmo tempo que reduzem significativamente o consumo energético e o impacte ambiental da sua utilização.
  • O recurso a máquinas com ligação a painéis solares térmicos, que fornecerão água quente de forma directa, permitem reduzir o consumo energético.
  • Se vai colocar a máquina na cozinha perto da sala ou quartos, ou se tem por hábito aproveitar as horas nocturnas para a utilizar, prefira um modelo com um nível de ruído baixo.
  • Utilize a etiqueta energética para seleccionar a máquina de lavar louça mais eficiente

    Utilização

  • Em cada ciclo de lavagem utilize, sempre que possível, a carga completa e disponha a louça nos respectivos cestos e compartimentos de forma a tornar a lavagem mais eficiente.
  • Não é necessário enxaguar toda a louça antes de a colocar na máquina. Com a ajuda dos talheres ou dos guardanapos de papel pode remover os restos de comida que ficam agarrados. Desta forma pode utilizar programas económicos e de baixas temperaturas, que permitem poupar energia e água.
  • Antes de iniciar a lavagem certifique-se que o movimento dos braços de aspersão não está bloqueado por nenhuma peça, que o filtro da máquina se encontra limpo e que a luz indicadora de falta de sal não se acende. O sal torna a água menos dura, com menos calcário, tornando mais eficaz o detergente.
  • Não colocar na máquina cristais ou peças decoradas à mão, a não ser que especificamente indicado que podem ser lavadas na máquina. Também os talheres com cabo de madeira ou osso e plásticos pouco resistentes a temperaturas altas não devem ser colocados na máquina.
  • Adapte o programa da máquina à sujidade da louça. Para lavar a louça de uma refeição normal não é necessário um programa mais agressivo ou com temperaturas de lavagem muito elevadas. Escolha programas com ciclo de lavagem mais curto e com temperaturas mais baixas.
  • Caso a máquina permita seleccionar o tempo de secagem, este deve ser reduzido ao mínimo. Outra opção é desligar a máquina após o enxaguamento final e abrir a porta. A louça secará sem precisar de gastar energia. Desta forma conseguirá poupar entre 33 a 50% da energia de um ciclo completo de lavagem (Fonte: www.ecosave.org.pt).

    Limpeza e manutenção

  • Se tiver tarifa bi-horária, tente utilizar a máquina de lavar nas horas de vazio. Algumas máquinas têm funcionamento programável ou então pode recorrer a um temporizador.
  • Limpe regulamente o filtro da máquina, retirando as impurezas, e os braços aspersores, pois o calcário acumulado pode bloquear a saída de água.
  • Sempre que se ausentar durante um longo período de casa (ex: férias) é aconselhável deixar a porta entreaberta para evitar a formação de odores desagradáveis e desligar as ligações eléctricas e hidráulicas.
  • Leia o manual de instruções do seu aparelho, nele encontrará informações que o ajudarão a optimizar a sua utilização.


07/2018 Quercus

Anexos

Produtos em destaque

  • AEG FSE63400P
    AEG FSE63400P
    • Classe de eficiência energética: A+++
    • Ruído na lavagem (dB): 44
    • Consumo energético (kWh/ano): 176
    • Classe de eficiência de secagem: A
    • Consumo água (l/ano): 2775
  • Miele G 6920 SCi
    Miele G 6920 SCi
    • Classe de eficiência energética: A+++
    • Ruído na lavagem (dB): 41
    • Consumo energético (kWh/ano): 189
    • Classe de eficiência de secagem: A
    • Consumo água (l/ano): 2772
  • Miele G 6820 SC branco
    Miele G 6820 SC branco
    • Classe de eficiência energética: A+++
    • Ruído na lavagem (dB): 43
    • Consumo energético (kWh/ano): 189
    • Classe de eficiência de secagem: A
    • Consumo água (l/ano): 2772
  • Miele G 6890 SCVi K2O
    Miele G 6890 SCVi K2O
    • Classe de eficiência energética: A+++
    • Ruído na lavagem (dB): 41
    • Consumo energético (kWh/ano): 189
    • Classe de eficiência de secagem: A
    • Consumo água (l/ano): 2772
  • Bosch SMV88TX36E
    Bosch SMV88TX36E
    • Classe de eficiência energética: A+++
    • Ruído na lavagem (dB): 42
    • Consumo energético (kWh/ano): 211
    • Classe de eficiência de secagem: A
    • Consumo água (l/ano): 2100